TUMOR DESMÓIDE

SARCOMA DE PARTES MOLES

O tumor desmoide (figura acima) corresponde a lesão histologicamente benigna mas apresenta comportamento muito agressivo localmente. Pode acometer qualquer pessoa, mas é geralmente mais comum em mulheres no pós-parto. Hoje em dia o protocolo terapêutico é em geral observacional devido a grande chance de a lesão não evoluir (aumentar) ou até mesmo involuir (diminuir). A recidiva local após procedimento cirúrgico é muito comum e mesmo a ressecção completa da lesão não é garantia de sucesso.

Os sarcomas de partes moles são tumores malignos de alto ou baixo grau que podem nascer de qualquer tecido de origem mesenquimal (células que irão formar nossos músculos, tendões, tecido adiposo, osso, cartilagem, etc.) e que estão nas estruturas extra-ósseas. Exemplos são o rabdomiossarcoma, sarcoma sinovial, lipossarcoma, fibrohistiocitoma maligno entre outros. O tratamento destas lesões depende de caso a caso e ainda não existe um método geral a ser seguido em relação a quimioterapia, radioterapia e cirurgia, cada centro especializado segue a sua linha preferencial de tratamento baseada em linhas já discutidas na literatura médica.

©2018 BY DR. JAIRO GRECO GARCIA.

  • Instagram ícone social
  • Facebook ícone social
  • LinkedIn ícone social